Fink

Fink é um projeto com o objetivo de portar, e de distribuir de forma rápida e fácil, programas Unix de código aberto para as plataformas Mac OS X e Darwin. O Fink conta com seu próprio gerenciador de pacotes escrito em Perl, e que é baseado nas ferramentas dpkg, o dselect e o APT (Sistema de gerenciamento de pacotes do Debian) para realizar a distribuição.

O projeto Fink foi iniciado em dezembro de 2000 pelo alemão hacker Christoph Pfisterer. O nome 'Fink' é alemão para finch e é uma referência ao nome do núcleo do macOS, Darwin; O estudo de Charles Darwin da diversidade entre tentilhões levou-o eventualmente ao conceito de seleção natural.

Christoph Pfisterer deixou o projeto em novembro de 2001.

O funcionamento do Fink depende basicamente de dois processos. O port, que é o processo de modificação dos softwares de código aberto para que sejam compilados e executados no Mac OS X, e o empacotamento, que é uma forma de distribuição dos pacotes binários pré-compilados para usuários casuais. Além dos pacotes pré-compilados projeto oferece também, um sistema completamente automatizado de compilação a partir do código fonte para usuários avançados.