Alexandre, o Grande

Alexandre III da Macedônia, dito o Grande ou Magno (em grego, Αλέξανδρος o Τρίτος o Μακεδών, Aléxandros ho Trítos ho Makedón, Αλέξανδρος ο Μέγας, Aléxandros ho Mégas ou Μέγας Αλέξανδρος, Mégas Aléxandros ; Pela (ou em Vergina), 20 de julho de 356 a.C. — Babilônia, 10 de junho de 323 a.C. ) foi um príncipe e rei da Macedônia, e um dos três filhos do rei Filipe II e de Olímpia do Épiro – uma fiel mística e ardente do deus grego Dioniso.

Alexandre foi o mais célebre conquistador do mundo antigo. Em sua juventude, teve como preceptor o filósofo Aristóteles. Tornou-se o rei aos vinte anos, na sequência do assassinato do seu pai.

A sua carreira é sobejamente conhecida: conquistou um império que ia dos Balcãs à Índia, incluindo também o Egito e a Báctria (aproximadamente o atual Afeganistão). Este império era o maior e mais rico que já tinha existido. Existem várias razões para esses grandes êxitos militares, um deles é que Alexandre era um general de extraordinária habilidade e sagacidade, talvez o melhor de todos os tempos, pois ele nunca perdeu nenhuma batalha e a expansão territorial que ele proporcionou é uma das maiores da história, a maior expansão territorial em um período bem curto de tempo. Além disso era um homem de muita coragem pessoal e de reconhecida sorte.

Governo

Reinado
336 a.C. - 323 a.C.
 
Consorte
Roxana de Báctria
 
Antecessor
Filipe II
 
Sucessor
Alexandre IV
 
Dinastia
Dinastia argéada
 
Títulos
Hegemônico da Liga Helênica, Xá da Pérsia, Faraó do Egito, Senhor da Ásia
 

Vida

Nome completo
Alexandre III
 
Nascimento
20 de julho de 356 a.C.
 
Morte
10 de junho de 323 a.C. (32 anos)
 
Filhos
Alexandre IV
 
Pai
Filipe II
 
Mãe
Olímpia do Épiro